Transtorno de Ansiedade

Atualizado: 23 de jul. de 2021



O que é ansiedade?

A ansiedade é uma reação natural diante de sinais que indicam que uma situação ameaçadora se aproxima.

A maioria das pessoas experimentam um estado geral de preocupação ou medo antes de enfrentar algo desafiador, como um teste, um exame ou uma entrevista e, nestes casos, ficar ansioso diante de uma tarefa pode aumentar, de maneira benéfica, nossa atenção e desempenho.

Esses sentimentos são facilmente justificados e considerados normais. Nestes casos, estamos diante de uma ansiedade ‘funcional’ – útil e necessária.

A ansiedade é um termo geral para reunir situações em que há nervosismo, medo, apreensão e preocupação, sendo considerada um problema quando os sintomas se tornam tão intensos que trazem prejuízo funcional ou sofrimento significativo. Nesses casos, podemos afirmar que a ansiedade se tornou patológica, caracterizando um transtorno de ansiedade.


Os tipos de transtornos incluem:

  • Transtorno de ansiedade generalizada;

  • Transtorno de pânico;

  • Agorafobia;

  • Fobia específica;

  • Transtorno de ansiedade social;

  • Transtorno de ansiedade de separação;

  • Transtorno de ansiedade induzido por substância/ medicamento.

Existem particularidades que diferenciam os transtornos citados.


Quais os sintomas de ansiedade?

Podem ser divididos em:

Sintomas subjetivos (referentes à percepção de sensações desconfortáveis) como:

  • Angústia;

  • Inquietação;

  • Preocupações excessivas;

  • Nervosismo;

  • Irritabilidade;

  • Medo ou pavor.


Sintomas físicos (referentes às sensações corporais) como:

  • Aperto no peito;

  • Palpitação;

  • Falta de ar;

  • Náusea;

  • Cólica abdominal;

  • Transpiração excessiva;

  • Tontura;

  • Tremores;

  • Calafrios ou formigamentos;

Geralmente os sintomas físicos da ansiedade são os que mais assustam e que despertam a atenção da pessoa para buscar por tratamento.


Como é o tratamento da ansiedade?

Sendo o transtorno de ansiedade um conglomerado de outros transtornos, de forma geral, é possível afirmar que os resultados mais efetivos e duradouros são obtidos com a associação de tratamento medicamentoso e psicoterapia.

Os medicamentos de primeira linha para o tratamento dos transtornos de ansiedade são os antidepressivos e, em casos com sintomas mais agudos, podem ser utilizados ansiolíticos, mas com muita cautela devido ao risco de dependência.

Os tratamentos psicoterápicos com o maior nível de evidência são a terapia comportamental e a terapia cognitivo-comportamental.



#transtornoansiedade #ansiedade #tratamentoansiedade


31 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo